A Vida e Suas Simplicidades

É incrível como a vida nos presenteia as melhores coisas da forma mais simples. E incrível como pequenas atitudes nos fazem lembrar o quanto a vida é bela e que ela tem que ser vivida com alegria, mesmo nos momentos difíceis.

Sábado, dia 25 de junho de 2011. Um sábado que eu fiz algo, digamos, anormal: tirei a tarde para ver uns vídeos no YouTube e relaxar (isso é raro!). Peguei meu fone de ouvido, subi o som e comecei com “Torn” (Natalie Imbruglia), versão acústica.

Ah, além do YouTube, estava com outra página aberta no meu Twitter. É claro que eu ia twittar todos os vídeos que eu visse. E começando com Torn, me surpreendi quando a Taís me respondeu dizendo que também gostava.

A próxima música foi “She Will Be Loved” (Marron 5), relembrando o sucesso de 2004 da banda. Concomitantemente, no twitter. Conversava sobre música com a Taís. Nisso, ela me twittou algo como: “música always”. Adivinha qual foi a próxima música?

Acertou se você disse “Always” (Bon Jovi). Ótima musica para relembrar... Ofereci para ela, que me recompensou com “Fly Away From Here” (Aerosmith). Fiquei com a sensação de ter sido muito bem recompensado, pois adorei a música. E para encerrar com chave de ouro a parte dos flashbacks de rock, assisti a “Still Loving You” (Scorpions). Sem comentários...

Saindo daí, parti para o Surf Music e comecei a ouvir Jason Mraz. Principiei com “You Fucking Did It” (sua nova música). Curti demais, ele canta super-rápido.

Próxima música: “Thinkin’ About You”. Tranquila, para relaxar mais ainda. Depois vieram “They Shaped My Life”, “Sail Away” e "What We Love Is What We Become".
Na outra janela, eu twittava todos esses links  e conversava com a Taís. E nisso, acabei descobrindo que ela gosta de Jason Mraz também. E ela também acompanhou os meus tweets e escutou junto comigo a todas as musicas. Enquanto nós escutávamos, iamos falando, conversando das músicas.
O tempo lá no Paraná ajudou (ao contrário daqui de São Paulo) e ela foi para o lado de fora de casa e ficou a contemplar o céu que, segundo ela, estava lindo. Nisso, ela tweetou que sentiu inspiração através das músicas, para escrever um conto. Eu curti essa inspiração e foi daí que me inspirei para escrever esse texto.
Foi daí que percebi como a vida é simples e que, na maioria das vezes, entrega a felicidade nas nossas mãos através de pequenas e simples ocasiões e que, também na maioria das vezes nós, sem querer, rejeitamos.
Quer coisa melhor do que você poder ver o céu e ficar em paz olhando para ele? Isso realmente inspira... Para nós que escrevemos, é um prato cheio.
Para encerrar, escutei minha música preferida: " I'm Yours" . E ela twittou:
" Com I'm Yours agora o conto sai."
Isso realmente é muito legal. Escrever é emocionante, não é?
Essa tarde foi simples, mas muito (muito!) bacana. Incrível como vídeos e uma ótima conversa com uma amiga que mora ao longe, conseguiram deixar minha tarde de sábado mais feliz.
Repito: A partir das coisas mais simples que a vida nos oferece, é que podemos encontrar a felicidade.

(Blog da Taís: http://tiiis.wordpress.com/ )

Comentários

  1. Ah meu, sério! Eu gosteei e muuito! *-* E na boa, tudo que voce falou, é bem isso mesmo, são os pequenos detalhes da vida, que faz a diferença! É "nóis" aae *--*

    ResponderExcluir
  2. Com certeza, Taís! ...

    Só que nós mesmos as vezes não percebemos, infelizmente.
    Obrigado, fico feliz em saber que você curtiu*-*

    ResponderExcluir
  3. Passando por aqui... rs
    Ótimo texto! Parabéns! Pura verdade :D e agora vou dar uma passado no Blog da Taís tbm.
    Abraços, escritores! :)

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Fala aí...

Postagens mais visitadas deste blog

Ao Lado de um Grande Homem...

Contos e Músicas: Uma parceria que deu certo

Destrua Este Diário: O Início