Covardia

*Galera, como falei antes, aqui no blog irei colocar textos do meu cotidiano.Esse aí,por exemplo, é um texto escrito numa aula da Faculdade.
É um artigo sobre violência.*

Em um mundo bagunçado como o de hoje, falar de violência é complicado. É doméstica, infantil e nessa, nem os animais escapam.

Entre as desgraças acima, irei sucintamente falar sobre a violência infantil. Não vou dizer que é a pior, pois todas são, mas é uma tremenda covardia essa história de espancar uma criança porque ela está chorando de madrugada( isso irá fazê-la chorar mais ainda), ou simplesmente, abandonar um bebê recém-nascido no meio do mato ou jogá-lo para o outro lado do muro, como vimos uns tempos atrás na TV.

O pior é saber que, ao falar que estão arrependidas, essas pessoas cruéis não sofrem nenhum dano , ou pelo menos uma resposta ao que fazem com as crianças.

Só nos resta a conscientização de que isso não é legal e a torcida para que a situação mude e essas atitudes saiam da moda.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ao Lado de um Grande Homem...

Contos e Músicas: Uma parceria que deu certo

Destrua Este Diário: O Início